Depois de cinco dias no Brasil para conhecer unidades industriais de processamento de carnes, o administrador do Serviço de Inspeção Americano, Alfred Almanza, encerrou a visita no país nesta sexta-feira, 21 de setembro. Para o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) a passagem pelas unidades foi positiva porque deu a oportunidade de o País mostrar o modelo de inspeção, a infraestrutura das plantas, além da qualidade dos serviços dentro das unidades.
 
O roteiro no Brasil, que começou por São Paulo e foi finalizado em Mato Grosso do Sul, também incluiu reuniões de trabalho com representantes do Ministério da Agricultura em Brasília.  “Considero que o saldo foi positivo e a vinda de um chefe da inspeção americana pela primeira vez ao País mostra o interesse pelo potencial do mercado brasileiro”, disse o secretário de Defesa Agropecuária (SDA), Enio Marques. O objetivo da ação foi estreitar as relações entre os órgãos brasileiros e americanos que podem resultar no início de um processo de cooperação técnica que culminará em acordos homogêneos, além do alinhamento nos fóruns internacionais, favorecendo o comércio bilateral entre as partes.
 
Os Estados Unidos, nos últimos anos, promoveram grandes avanços no que diz respeito à Segurança Alimentar, além de ter modernizado as estruturas administrativas, muito próximas ao que se deseja para modernização do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Dipoa) do Mapa.
 
Fonte: MAPA