Skip to main content

No mercado do sebo, o cenário de pressão de alta perdeu força. A oferta de matéria prima continua curta, mas a redução da demanda acalmou o mercado.  O preço de referência no Brasil Central está em R$1,70/kg, sem imposto, valor 6,3% maior que o observado há um mês e 4,3% acima do registrado em novembro de 2013. No Rio Grande do Sul a referência está em R$1,85/kg, sem imposto. Este patamar representa alta de 15,6%, na comparação com a cotação de um mês atrás e de 12,1%, quando comparamos com o mesmo período de 2013.  Embora a pressão de alta tenha perdido força, o cenário ainda é de preços firmes.
 
Fonte: Scot Consultoria