O Prêmio Nacional de Inovação é uma iniciativa da Mobilização Empresarial da Inovação – MEI e será realizado pela Confederação Nacional da Indústria – CNI , pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SEBRAE e pelo Movimento Brasil Competitivo – MBC.
 

Poderão participar todas as empresas do país que tenham implantado um sistema de gestão da inovação ou desenvolvido um projeto inovador cujos os resultados tenham um impacto positivo nos negócios.
 
O Prêmio abre oportunidade para quatro categorias, sendo duas para empresas e duas para projetos. A primeira categoria de empresa é para Gestão da Inovação que através de métodos, técnicas e ferramentas de gestão e inovação dentro da empresa, tornaram possível a criação de um ambiente favorável ao desenvolvimento de projetos inovadores.

 
Já na segunda categoria para empresa, de Agente Local de Inovação, é reconhecido as pequenas empresas atendidas pelo Programa Agente Local de Inovação –ALI, do SEBRAE. Para essa categoria, as empresas participantes do ALI também tem que ter métodos internos de inovação para projetos inovadores.
 
Estão entre as categorias de projeto, a de Inovação Tecnológica, que reconhece os projetos que contribuem para o aumento de níveis de competitividade das empresas com produtos ou processos que são capazes de gerar impactos na empresa e no mercado.
 
A segunda e última categoria de projeto é a de Modelo de Negócio. Essa tem o objetivo de explorar os mercados através do uso criativo dos recursos disponíveis para responder de forma inovadora.

 
As empresas industriais poderão concorrer em mais de uma categoria, sendo que para cada uma há três modalidades: 1 – igual ou inferior R$ 3.600.000,00; 2 – menor ou igual a R$ 16.000.000,00; 3 – superior a R$ 16.000.000,00.
 
As inscrições poderão ser feitas no site do Prêmio até o dia 31 de agosto.
 
Para inscrições e informações sobre o prêmio acesse: http://www.premiodeinovacao.com.br