Skip to main content

Representando a World Renderers Organization (WRO), Lucas Cypriano, Coordenador Técnico da ABRA e Primeiro Vice-Presidente da WRO, acompanhou a semana de eventos da 88ª Assembleia Geral da Organização Mundial da Saúde Animal (OIE), que ocorreu entre os dias 24 e 28 de maio, de forma virtual. Entidades e profissionais do mundo inteiro participaram dos encontros.

Além dos anúncios de evolução de status sanitário dos estados do Paraná, Rio Grande do Sul, Rondônia, Acre e partes do Amazonas e do Mato Grosso para zonas livre de febre aftosa sem vacinação, a Assembleia também foi momento especialmente importante para marcar o posicionamento do setor de reciclagem animal em relação a dois temas de teor técnico, que foram amplamente estudados e debatidos em reuniões preparatórias, ocorridas desde abril deste ano.

Previamente ao evento, o Departamento Técnico da ABRA avaliou e enviou à WRO posicionamento quanto as alterações propostas em diversos artigos nos Códigos da OIE. A WRO acatou e submeteu à OIE solicitação de ajustes em dois pontos propostos pela ABRA: em um novo capítulo de tripanossomas de origem africana e no Glossário do Código de Saúde dos Animais Aquáticos. Em ambos os pontos, a WRO solicitou a palavra durante a Sessão Plenária da OIE e expressou sua opinião a todos os países-membros da Organização, defendendo os interesses do setor.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação ABRA
Luísa Schardong, jornalista, MTB/RS 0018094