A demanda em alta por sebo mantém o mercado aquecido. Entretanto, mesmo com boa procura pela gordura animal, não houve alteração de preço nos últimos dias

No Brasil Central, o produto está cotado, em média, em R$2,25/kg, livre de imposto. Este é o maior patamar desde janeiro de 2018. No Rio Grande do Sul, o sebo está cotado em R$2,40/kg, nas mesmas condições. A expectativa para o curto prazo é de que a boa demanda mantenha o mercado de sebo pressionado positivamente.

Fonte: SCOT CONSULTORIA