Skip to main content

Diante de todo o tumulto causado pelos últimos escândalos políticos e econômicos, o mercado do boi gordo sofreu grande impacto e a conta sobrou, mais uma vez, para o pecuarista
 
Cautelosos com este cenário de baixa no mercado do boi gordo, os produtores se afastam das compras de reposição e os últimos dias foram de calmaria nas negociações. Quando há algum interesse, as ofertas de compra são abaixo da referência e nestes patamares os negócios não avançam. Na média geral de todas as categorias de machos e fêmeas anelorados pesquisadas pela Scot Consultoria, as referências fecharam em queda semanal de 0,5%.
Desde o início do ano esta queda já soma 4,7% e não há indícios que apontam para a sustentação deste mercado no curto prazo. Com as recentes valorizações do dólar, as cotações para o milho podem ficar mais sustentadas e este fator, somado às atuais quedas nos preços da arroba, geram um cenário de piora nos resultados de confinamento, que até então eram positivos.
Com isso a demanda por animais de categorias mais eradas, que vinha crescente, tende a diminuir e as cotações ficarem mais pressionadas. É momento de muita cautela para o pecuarista que pretende negociar animais de reposição, é extremante importante se atentar às oportunidades do mercado para conseguir bons resultados nos negócios.
 
Fonte: SCOT CONSULTORIA