Skip to main content

A presidenta Dilma Rousseff anunciou na segunda-feira (01), por meio de nota, que o senador Armando Monteiro Neto substituirá Mauro Borges no Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC). Monteiro Neto é senador pelo PTB e ex-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Na nota, a presidenta "agradece a dedicação e lealdade do ministro Mauro Borges, que permanecerá no ministério até que esteja concluída a transição e a formação da nova equipe".
 
Logo após o anúncio, o futuro ministro concedeu entrevista coletiva no Palácio do Planalto. Durante o diálogo com os jornalistas, Armando Monteiro afirmou que a promoção da competitividade será o desafio central de suas ações no comando da pasta. "O desafio central é promover a competitividade. Isso significa reduzir custos sistêmicos e elevar a produtividade. A agenda da competitividade envolve várias áreas dentro do governo e demanda intensa articulação e coordenação. É papel primordial do Ministério do Desenvolvimento realizar essa tarefa."
 
Candidato derrotado ao governo de Pernambuco nas eleições deste ano, Monteiro Neto formou-se em administração de empresas pela Fundação Getulio Vargas e em direito pela Universidade Federal de Pernambuco. O futuro titular do MDIC iniciou sua vida política filiando-se em 1990 ao PSDB, permanecendo até 1997, quando se filiou ao PMDB e, desde 2003, está no Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). Foi deputado federal por Pernambuco durante 12 anos e atualmente cumpre seu primeiro mandato como senador, também pelo estado de Pernambuco.
 
Fonte:  CarneTec