O presidente da Marfrig Global Foods (MRFG3), Sergio Rial, confirmou o início de operações na Indonésia, e disse que a empresa busca fechar parceria com sócio local para o próximo ano.
 
A estratégia da empresa é, nesse país, entrar nos segmentos de bovinos e frangos para cadeias de restaurantes.
 
A Indonésia conta 240 milhões de habitantes, informou Richard Wong, vice-presidente executivo para a Ásia-Pacífico, Oriente Médio e África (APMEA), Grupo Marfrig, o país é maior do que o Brasil e 10 vezes maior do que a Austrália.
 
Com a maior população muçulmana do mundo e uma taxa de consumo per capita de carne de frango que é baixo para os padrões de nação desenvolvida, a Indonésia oferece um dos melhores potençiais de crescimento a longo prazo, adicionou Wong.
 
Cabe dizer que a Keystone, marca da Marfrig na Ásia, vai construir sua primeira planta de processamento na Indonésia em 2014, com uma capacidade operacional de até 10.000 toneladas por ano, disse Wong. A instalação, que deve começar a operar no mesmo ano, vai exigir um investimento inicial de US$ 6 milhões, acrescentou.
 
“Esta unidade vai concentrar-se principalmente em carne de frango, com um pouco de processamento de carne bovina,” disse Wong a CarneTec. “Estamos perto de um acordo com um parceiro de joint venture, um dos dois maiores processadores de aves na Indonésia.”

Além disso, a empresa está estudando se deve ou não construir sua primeira unidade de produção no Oriente Médio. Esse é um mercado em crescimento que a Keystone atende atualmente com a produção realizada na Malásia e na Tailândia.
 
Fonte:  CarneTec