Medida visa redução de perdas do setor de proteína animal, que teve impactos com greve dos caminhoneiros

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) disponibilizou a linha BNDES Giro, voltada ao fortalecimento de capital de giro das empresas, para que o setor de proteína animal, incluindo os setores de avicultura, suinocultura e pecuária bovina, possa minimizar os impactos derivados da greve dos caminhoneiros.

O BNDES Giro é um programa destinado empresas de todos os setores e portes com necessidades de financiamento de capital de giro. Pode ser obtido diretamente com o BNDES ou através da rede de agentes financeiros parceiros.
As operações podem ter referencial financeiro atrelado à Taxa de Longo Prazo (TLP) ou a taxa fixa BNDES (esta última somente para micro, pequenas e médias empresas, com faturamento até R$ 300 milhões por ano, somente nas operações indiretas automáticas).

O financiamento em taxa fixa no BNDES Giro busca atender empresas que não querem ficar expostas a um passivo ligado à inflação. Já o crédito em TLP busca atender empresas com fluxo de caixa naturalmente ligado à inflação.
Condições – O financiamento do BNDES para capital de giro de empresas visa aumentar a produção, o emprego e a massa salarial. A taxa de juros depende da forma de apoio, do porte do cliente e de cada item financiado. O BNDES Giro tem prazo de até 5 anos, com carência de 3 a 24 meses, nas operações indiretas automáticas (operações de até R$ 20 milhões); e 1 a 24 meses, nas operações diretas e indiretas não-automáticas.

Nas contas do BNDES, a taxa fixa para o BNDES Giro, em operação com prazo de três a cinco anos, vai custar 9,5% ao ano mais o spread (remuneração) do agente financeiro. A estimativa de custo em 9,5% ao ano equivale a variação do DI mais 0,5% ao ano, no momento. A taxa será revisada mensalmente para novas operações. Uma vez contratado, o valor da taxa permanece o mesmo durante a vigência do contrato, dando previsibilidade sobre o custo da operação, e permitindo às empresas de menor porte mais controle e planejamento sobre os empréstimos.

Mais informações sobre o BNDES Giro estão disponíveis aqui.

Fonte: Redação AI/SI