A JBS SA deverá implantar um novo frigorífico de carne bovina no norte do Tocantins no primeiro semestre deste ano, disseram representantes da empresa após uma reunião no escritório do governador do estado, Siqueira Campos, na quarta-feira (22).

Com base na cidade de Araguaína, a construção da planta deve ser iniciada em fevereiro, com operações para começar 120 dias após, disse Renato Costa, presidente da Divisão de Carnes do Grupo JBS, às agências de notícias regionais. A capacidade de produção projetada da planta não foi confirmada pelo executivo.

O governador espera que mais de 10 mil empregos diretos e indiretos sejam criados pelo projeto. O Tocantins possui mais de 8 milhões de cabeças de gado e pasto suficiente para evitar a necessidade de alimentação com grãos ou ração, disse Siqueira Campos.

Renato Costa destacou o Tocantins como um estado estratégico para a logística, com acesso fácil aos portos e ferrovias a partir do futuro local da planta.

“Num primeiro momento, vamos atender o mercado interno e, tão logo, iniciaremos a exportação para outros mercados”, disse Costa.

Além do presidente da Divisão de Carnes, estavam presentes no anúncio em coletiva de imprensa o diretor institucional da JBS, Ricardo Saud, e o diretor de Tributos, Valir Bony.
 
Fonte: Avisite