Começa nesta segunda-feira (6) a Missão Chilena que inspecionará as indústrias de farinhas e gorduras de origem animal. A Associação Brasileira de Reciclagem Animal – ABRA, foi convidada pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento – MAPA, para organizar a missão.

 
A missão Chilena tem o objetivo de renovar e habilitar novas plantas para a exportação de farinhas e gorduras para o Chile.

 
Segundo a Gestora da ABRA, Sra. Catia Macedo, a ABRA exerce papel fundamental para a realização da missão. “A ABRA está exercendo o papel de elo entre o governo brasileiro, o governo chileno e as Indústrias de Farinhas e Gorduras Animal interessadas em renovar ou habilitar para a exportação das farinhas e gorduras de origem animal.  Nós contribuímos diretamente para a renovação e a habilitação de nossas indústrias. A exportação faz parte da nossa missão” afirma a Sr. Macedo.

 
As inspeções acontecerão durante as duas próximas semanas, e será feita por duas equipes. Cada equipe contará com dois técnicos chilenos e um técnico do MAPA.

 
Serão visitadas dezesseis empresas sendo, seis empresas do Rio Grande do Sul, quatro empresas em Santa Catarina, três do Paraná, duas de São Paulo, e uma indústria em Minas Gerais.

 
Das 16 empresas que receberão a missão sete são associados a ABRA. Entre eles estão cinco plantas do Grupo Faros, uma do  Grupo Fuga  e uma da Patense. Durante a missão também serão inspecionadas três plantas da JBS Frangosul, e as empresas GTFoods Group,  Grupo Farol,  Grupo Folem, Frigorífico Nicolini e a  SPF Diana do Brasil com uma planta cada.

 
O mercado de Exportação das Farinha e Gorduras

 
Devido a forte demanda interna, o Brasil exportou menos de 2% da sua produção de farinhas e gorduras de origem animal chegando a 57 mil toneladas em 2010 e 59 mil toneladas em 2011.

 
O Chile foi responsável por 53% deste total ao importar mais de 37 mil toneladas em 2010 gerando uma receita de 15,2 milhões de  US$.

 
 
 
Em 2011 houve um crescimento de 2% no volume e de quase 20% em receita.Veja mais detalhes no gráfico abaixo:

 
 
A expectativa é de que com a missão seja ampliado o número de indústrias exportadoras, é o que afirma o secretário-executivo da ABRA, Sr. Vinícius Marques.  “a missão é de suma importância para fortalecermos as exportações de Farinhas e Gorduras de origem animal, bem como mostrar que a indústria brasileira de reciclagem animal vem se desenvolvendo garantido segurança e qualidade em seus produtos”.
 
Galeria:1 – Farinha de carne e ossos, 2- containers de exportação, 3- indústria.